TRENDS 2009 - Me, Myself & I

Brand Me
Me, myself & I, é há algumas décadas, e vai continuar a ser o Trend mais forte dos próximos anos. A explicação é fácil: é a responta “only human” a uma sociedade banalizada pela globalização… Todos nos queremos expressar, afirmar a nossa individualidade, contar a nossa história… queremos até publicar o livro da nossa vida, mesmo que isso só nos interesse a nós (… ok, à nossa mãe também… e as amigas dela vão ter que fingir que também acham interessantíssimo…). Mas até pode interessar a muita gente. Há uma boa dose de "voyeurismo" nesta atitude de querer conhecer "o outro".
Quero que me alimentem a ilusão de que “alguém pensa em mim”. Vou comprar uma camisola à Mango, sei que milhares de outras pessoas fazem o mesmo! Mas, depois preciso de um daqueles pormenores que me reconciliem com a minha individualidade.
Quero a ilusão que há produtos desenhados especificamente para os meus estados de necessidades…
A costumização é a resposta que a Inovação tem para desbravar um mundo globalizado.
Não me ofereçam o último “best seller “ do Miguel Sousa Tavares. Ofereçam-se umas palavras cruzadas em tela, com o meu nome. Feitas, pensadas e pintadas PARA MIM!.

5 comentários:

Paulo Freixinho disse...

Olha que ideia tão gira!...
;-)

Obrigado pela referência.

Ósculos!

Bemequer disse...

Paulo:

Como sabe acho essa sua ideia das PC personalizadas muito em cima das tendências relacionadas com a individualizaçao como resposta à globalização.
Qualquer dia ainda volto ao tema.
Será um post q irá explorar o "local" vs "global".

osculinhos

saca_vem disse...

Acho essa ideia das histórias digitais muito interessante;) Obrigado pela referência Margarida.

Se bem que a ideia das palavras cruzadas personalizadas seja também muito atractiva.

Como diz a nossa amiga Maria Spinola: conte comigo no que lhe puder ser útil.

E já agora citando tb o Paulo F., despeço-me com ósculos e amplexos.

JS
jsacavem@gmail.com

Bemequer disse...

José: Acredito sinceramente que o seu projecto de "Storytelling" tem um grande potencial de felicidade: quem sabe se este país virou cinzento porque tanta gente se quer exprimir, tem coisas para dizer e apenas "rumina"?...
Exprimam-se, digam coisas, não se reprimam!
Sorriam e sejam felizes!
:)
m

rui disse...

Também acho que eu sou um grande tema para desenvolvimento de produtos... deviam haver por ai mais umas coisas feitas a pensar em mim...
:D
Rui